Archive for the ‘mulheres de sapacity’ Category

sapacity eurotour!

30 junho, 2010

As férias de Julho estão chegando, e nada melhor do que sair, dar uma arejada, ver paisagens loiras, morenas, altas, baixas, sorridentes, blasées.
Portanto, a Sapacity Tours preparou vários pacotes pra vc, com foco no velho continente.
São locais ainda pouco explorados pela grande midia, mas que vale a pena visitar ou para quem já é familiar, reconhecer o terreno.
Escolha um e se jogue! Porque quem tem boca… (abaixo das fotos uma sugestão de abordagem, pra vc não fazer feio!)

TOPLESS EM BIARRITZ

Biarritz é chique, é glamour, é brioche com champagne, é França, tá meu bem?
Que tal fazer um topless na praia mais badalada do verão francês com Emmanuelle Béart?


“Não precisa tirar tudo não, ma cherie, só a parte de cimaaaa!”

 

CHÁ DA TARDE NO INTERIOR DA INGLATERRA

Não importa se você prefere café. Na ilha da rainha Elizabeth eles tomam chá.
Sua convidada, uma elegante senhoura – que ainda dá um bom caldo e que eu particularmente adoro com todo fish & ships do meu âmago: Krintin Scott Tomas.
Só pelo nome da lady, não me vai fazer feio e levantar o dedo mindinho ao pegar a xícara, tá?

‘Hi. Aceita uma bolacha para acompanhar o chá?’

 

PETISCAR EM TOSCANA

Nada melhor que tomar vinhos e vinhos e vinhos e vinhos na companhia de pessoas saudáveis pra te levar pra casa depois. No colo, de preferência.
O pacote inclui passeios nas colinas com Monica Bellucci.

‘Ciao bela, vai uma bruschetta aí?’

 

CONCERTO DE MUSICA CLÁSSICA EM BERLIN

Não há nada mais moderno que Berlin. Cidadezinha antenada essa. No entanto, se você quiser impressionar uma jovem formosa atriz alemã, leve-a a um concerto de musica clássica. A moça, Diane Kruger, até já tem o modelito para a ocasião.

‘Fraun, que tal um Chopin no seu pescoço?’

 

PASSEAR PELOS BECOS DE SEVILLA

Sevilla é uma cidade cheia de becos. E vc nunca sabe o que vai encontrar. Ou quem vai encontrar. Mas a Sapacity Tours vai preparar um encontro ocasional proposital com uma nativa. Que é pra você não se perder, e nem pagar o mico de pedir ajuda em portunhol. Deixe com a espanholita gostosita Paz Vega que ela te ensina o caminho, vale?

‘Ei guapa, toca uma castanhola pra mim, toca?’

 

GUIADA NO LESTE EUROPEU

Leste europeu é o que há nos dias de hoje. Todo mundo quer conhecer e explorar os mistérios daquele pedaço um tanto esquecido, mas não menos interessante da europa. Colocamos uma guia à altura, literalmente, que vai te levar a lugares inimagináveis da ucrania, tcheca-tcheca e outras regiões impronunciáveis, que só uma língua afiada e esperta poderia proporcionar tamanha experiência.

‘Mila, você pode me mostrar onde fica seu 5º elemento? Não tô achando no mapa.’

 

 UMA CHEGADA NO PORTO

 Imagine você sentada no porto da cidade do Porto tomando um vinho do Porto, selecionado e servido por uma portuguesa, com certeza? Maria João que é praticamente brasileira, mas legítima portuguesa. Ela te contará toda a história de como Portugal colonizou o Brasil e te encantar com aquele sotaquezinho em que as consoantes adoram comer as vogais. Cuidado com tanto charme – você corre o risco de ser colonizada também.

‘Me diga uma coisa: de dia é Maria e de noite é João?’

 

ESCOLHA O SEU PACOTE E BOA VIAGEM!

Anúncios

chris

18 maio, 2010

Sentaram na cara da Torloni.

Ela estava no banco de trás do carro e algum folgado fingiu que não viu e pumba!
Foi logo sentando.
Eu na hora não percebi. Não tenho nem a quem maldizer.
Sentar na cara da Torloni, cara?
Quanta sacanagem!
E agora?
Como vou olhar pra ela assim, toda desconfigurada? Coitada.
Minha musa, minha nossa!
Nossa não. Nem minha.
Imagina.

Mas se ela me pedisse eu sentaria.
Na cara, no colo, na mão.

O sinal abre.
Paro com a ficção.

.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.

a mulher pentelha

16 fevereiro, 2010

Esta é uma história de terror.
É a história da mulher pentelha, uma das lendas urbanas de Sapacity.

(Aconselho neste momento que as moças mais pudicas e frágeis se retirem da sala, ou melhor dizendo, fechem este browser. Essa história é para fêmeas de estômago e dentes fortes.)

Diferente do que podem imaginar de início, o nome da mulher não vem do fato dela ser uma pessoa ‘pentelha’, coloquialmente dizendo. E sim, por ser conhecida e reconhecida como arrancadora de pentelhos alheios.
Pois é minhas caras, assim como existem lendas de lobisomem, mula sem cabeça, saci e demais figuras regionais que nunca vimos mas sempre ouvimos, a história da mulher pentelha não poderia nascer em outro canto, que não na nossa cidade povoada por mulheres que vão com mulheres.
Nossa figura em questão é uma mulher comum, que senta num balcão de bar, pede algo de beber e algum petisco para acompanhar. É uma mulher comum, que paquera outras mulheres que entram no bar, joga um papo furado e algum charme antigo pra se aproximar. Dizem que é careca, usa peruca e nunca repete o figurino. E que paga bebida para seus alvos e a conta da mesa sempre em dinheiro. Quando a vitima está altamente alcoolizada, ela faz convites irresistíveis de fuga.
Normalmente vão para a casa da malfeitora. Lá, seus dentes afiados se põem a trabalhar, desnudando sem auxilio das mãos a parte intima da moçoila escolhida. Ao se deparar com qualquer tamanho, tipo ou forma de tufo, a canalha cai logo de boca fazendo as vezes de depiladora insana. Quanto mais alto o grito da vítima, e mais árdua a tarefa for, maior o prazer da mulher pentelha. No final do gozo, o que se vê é um sorriso escuro e incômodo.
Antes que a atacada retome consciência e qualquer pedaço de decência, ela é largada em algum banco de jardim florido, propriamente vestida, e com uma rosa repousando sobre o local recém-depilado.

Ninguém sabe quem é a tão misteriosa e maldosa mulher. Dizem apenas que é careca, usa peruca (supõe-se feitas com os pentelhos de suas presas) e nunca repete o figurino. Nem as vítimas.

homenagem do mês

16 julho, 2009

e a homenagem do mês vai pra essa loira que muitas podem achar sem graça, mas que eu adoooooro! pq ela é foda (como atriz, eu digo).

NAOMI WATTS

naomi1

naomi3

naomi2

 

daí como as homenagens não podem passar em branco, fiz abaixo uma música em tom de axé pra Naomi, que é pra ela entrar no clima tropical brasileiro e se soltar mais quando vier à Sapacity.

NAOMI ABANDONA

Tira os pés do chão
E põe na minha cama eô
Pula em cima de mim
E diz que
é minha mucama êo êo

Levanta as mãos pra cima
Braço esquerdo e o direito
Que eu vou cair de boca
No sabor do seu
quei-xo!

Refrão:
Agita mulher que maravilha
Se enrosca Naomi na minha virilha
Agita coisa linda do meu bem viver
Que meu estômago quer digerir voooooocê!

Êo iaiá Naomi abandona! (2x)

Se você bater palminha
Eu bato bem na tua cara
Gringa, fica quieta,
mas sorria e não pára.

Ô princesa senta aqui
Como seu fosse sua lambreta
Que eu vou afundar meus beijos
na sua bo-
checha!

Refrão

Dia das Namoradas em Sapacity

10 junho, 2009

Com a proximidade da data festiva-comercial- e romântica por que não? – do dia das namoradas, Sapacity promove o festival imaginário de casais além mar! Mulheres que gostaríamos de ver juntas nas mídias de fofoca, na boca do povo ou dependendo do caso, em nossas camas. 

Abaixo, compartilho algumas das sugeridas:

Christiane Torloni & Jodie Foster

jodie e cris

Claro! As minhas musas da infância, adolescência, juventude, fase adulta, balzaca e futuramente idosa não poderiam deixar de ter um romance fictício nesta vida. Imaginem só! Não existem nem palavras nos dois vocabulários linguísticos aos quais elas pertencem para descrever tamanha emoção diante desta possibilidade.

Winona Rider & Adriana Calcanhotto

winona-e-adriana

A atriz é (declaradamente) doida.
A cantora é (aparentemente) doce.
Então imagine se um dia a clepto da Winona roubar o coração da Calcanhotto?
No mínimo, estaria por vir uma bela canção.

 Katherine Moennig & Ana Paula Arósio

ana-paula-e-kate

Elas são modernas, jovens, bonitas e atrizes. Elas se entendem.
Se tiver casamento, Ellen DeGeneres será o padrinho.
Se tiverem um filho, certamente nascerá com os dentes brancos e perfeitos.

Susan Boyle & Marlene Matos

marlene-e-susan

Daí que a Susan tá precisando de uma empresária, né minha gente? Então não consegui mais perfeita combinação de unir o ‘útil ao agradável’. Se bem que a parte do ‘agradável’ eu tenho minhas dúvidas…
Susan, a gente quer que você seja beijada um dia, mas a gente entende se neste caso não rolar, tá?

Amy & Angela Ro Ro

angela--e-amy

Todo mundo merece ser feliz na vida, é ou não é?

Angelita é a pessoa certa que pode fazer Amy entender que o que pulsa no seu sangue quente não precisa ser necessariamente heroína.
Que a heroína pode vir sim, mas em forma de mulé, uma mulé grande e sabida que cante entre os dentes da frente ao pé do seu ouvido: Amo a vida a cada segundo, Pois para viver eu transformei meu mundo, Abro feliz o peito, é meu direito!”. Abra o peitinho Amy e se joga!!! (mas vai por cima tá? que por baixo pode machucar!)

Então tá! Se alguém tiver sugestão de casais de namoradas imaginárias ‘além mar’ que fale agora ou então só no próximo dia das namoradas!

homenagem do mês

8 abril, 2009

A MULHER DO PAPA

Vou ter que começar esse texto me desculpando pela sinceridade que será exposta nas próximas linhas.

Toda vez acontece alguma tragédia na Itália eu pulo em frente à TV numa animação de total descontrole.
Interessada na notícia, claro (mas eu poderia me informar pelos jornais/internet, que prefiro). porém, ainda mais interessada na cobertura da globo. Ok, realmente interessada na repórter que faz a cobertura para a globo: Ilze Scamparini.

 

Confesso que acompanhei a morte do papa por alguns dias.

 

Confesso que acompanhei outras notícias importantes, mas que não consigo me recordar, porque no fim das contas eu não prestei muita atenção no sentido das palavras e sim de onde elas saíam.

 

Confesso que estava com saudade da Ilze até acontecer este fatídico terremoto.

 

Mas daí descobri que há formas menos dolorosas de me encontrar com a Ilze, em arquivos do Globo Repórter espalhados pelo youtube. Deixo um aqui para vocês se deliciarem: ou com a Ilze ou com o tema da reportagem. A mim, os dois apetecem. 

 

 

Ilze!!! vou plantar uma parreira na minha casa em Sapacity só pra você vir me entrevistar!
amassaremos as uvas com nossos pés de unhas cortadas e limpas e depois nos embriagaremos fermentadas por um inexplicável entusiasmo, que não envolverá rolhas de qualquer espécie.

hahaha!

 

ok, passou o surto. 

 

mas fica a homenagem.

 

as fobias e não-fobias das lésbicas de Sapacity

22 abril, 2008

Há uma semana, fui desafiada pelo mestre Marcelino Freire em uma de suas oficinas, a escrever sobre o “MEDO”.
Pesquisando sobre o tema, tão vasto e tão íntimo, encontrei uma lista de fobias que jamais imaginava existir.
Louvei os psicólogos, terapeutas e psiquiatras do mundo. Se com eles já deve ser difícil tratar das fobias mais diversas; imagine sem.

Daí surgiu o meu texto sobre medo, que vc pode ler aqui.

Daí surgiu uma lista de fobias e não-fobias das habitantes de Sapacity, que vc pode ver abaixo:

As 10 fobias das lésbicas de Sapacity
• Amnesifobia – medo da amnésia.
• Caetofobia – medo de pêlos
• Pagodefobia – medo de pagode.
• Onomatofobia – medo de ouvir certas palavras ou nomes
• Pogonofobia – medo das barbas.
• Alectorofobia – medo das galinhas.
• Megalofobia – medo de coisas grandes
• Mitofobia – medo de mitos, histórias ou declarações falsas
• Leprofobia ou leprafobia – medo de lepra
• Ofidiofobia – medo de cobras

as 10 não-fobias de uma lésbica de Sapacity
• Aracnofobia – medo das aranhas
• Ailurofobia – medo dos gatos
• Analofobia – medo de buracos escuros
• Sitofobia ou Sitiofobia – medo de comida ou comer
• Sarmassofobia – medo de seduzir e de participar de jogos de sedução (conhece alguma com esse tipo de medo? Eu não…)
• Quiraptofobia – medo de ser tocada
• Metifobia – medo de álcool
• Melofobia – medo ou ódio de música
• Hedonofobia – medo de sentir prazer (não compreendo este medo, embora acredito que ele exista)
• Ginofobia, ginefobia ou ginecofobia – medo de mulheres
 

as minhas fobias
* Parasitofobia – medo dos parasitas.
* Escotomafobia – medo de cegueira
* Estupofobia – medo de pessoas estúpidas
* Pijamafobia – medo de sair de casa com pijama sem perceber.
*Fobofobia – medo de fobias

as fobias (bizarras) dos outros
* Hipopotomonstrosesquipedaliofobia – medo de palavras grandes
* Pietrofobia – medo de pessoas chamadas pietro
* Narigofobia – medo de narizes
* Pressofobia – medo de impressoras.
* Octofobia – medo do numero 8

 E A SUA, QUAL É?

 

homenagem do mês

11 março, 2008

cris-t.jpg

Você pode beijar quem você quiser.
Fazer a pose que quiser.
Soltar o verbo como quiser.

Você é cidadã emérita de Sapacity!
E pronto. Acaba de ganhar o título. Vitalício, por sinal.
E pode vir, que a gente te receberá de braços abertos.
(oh yeah!) 

cris-t2.jpg

Salve a nossa amazônia, Chris!

(Não se esqueça que em Sapacity também tem arvrinhas!!!)

jo1.jpg

Jô, afinal, a gata comeu quem, hein?

Tribadistas

11 fevereiro, 2008

não adianta querer ser outra coisa em Sapacity, se antes vc não for: TRIBADISTA!

não, e não tem nada a ver juntar uma bahiana + uma carioca com outra paulista e começar a cantar “Maria Sapatão” de trás pra frente acompanhadas de percussão e baixo apenas.

Tribadista é simplesmente não negar a raça:

TRIBADISMO (de tribádos = esfregar ): significa a fricção corporal mútua ou masturbação entre mulheres .

onde tudo começou

30 janeiro, 2008

jodie.jpg

se qdo criança vc imaginava: “eu queria ser ela”

se qdo adolescente vc sonhava: “eu queria ser amiga dela”

só restou um pensamento para a fase adulta: “EU QUERIA!”

 jodie2.jpg

ah, Jodie. Que bom que vc tbém é de Sapacity; já temos algo em comum.